segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Mas ainda a este respeito...

Não, é que este assunto merece que nos centremos nele. Atão que era gata e afinal... "Ah e tal, não. É mesmo um gato"
De Xena, passou a Blacky. Quando era Blacky, descobri que tinha mamas...8! Continuei na dúvida, tal como ele, que se interessava por máquinas de lavar roupa...finalmente lá me asseguraram: "Si, es un gatito!
Pronto lá fiquei mais descansada. Eu e ele, que agora sabia que o iria tratar convenientemente e não continuar a dizer em cada frase em que o chamava: "O meu pequenino...ou pequenina quer comer? Oh bichinho...hum, bichinha!!
Ùltima ida à veterinária..." Está muy bien, ya pesa 1kg ya está mejor de sus heridas y su pello ya está crescendo...pero, ves que está de otro color? Creo que él no va a ser negro, va a ser gris..."
"Desculpe? Ãh? No comprendo..." Atão não é que o raio do bicho, de gata passa a gato, de olhos azuis passa a verdes, de preto passa a cinzento...tenho um raio dum camaleão em casa!
Mas que sentido tem agora que se chame Blacky (pretinho) se afinal vai ser cinzento?????? Ainda apanho um esgotamento com este gato...

Sem comentários: