domingo, 22 de novembro de 2009

Elementary my dear Watson

Adormeci seriam uma meia-noite. Acordei ainda com luz vinda da sala, o que indicava que o meu Ninja continuava por lá. Chamei-o. Voltei a chamá-lo uma, duas e três vezes. Ao final de uma série de "chillos" ouvi-o a inspirar e expirar profundamente. "Pronto, está a dormir..." "Niiinnnnnjaaaa!" ................Nada..............Resolvi acordá-lo à minha melhor maneira. Telefonei-lhe do quarto para a sala! O telemóvel ouviu-se bem e de certeza que acordou todo assarapantado porque de muito mau humor disse-me: "Achas bem? Achas bem o que acabas de fazer??" E eu, obviamente, ria-me. Deitou-se e depois de um breve silêncio ouço-o a meu lado dizer num tom muito aborrecido:"Agora tenho que começar tudo do princípio." - "Ãh? Tens que começar o quê do princípio??" ...................................................Silêncio.........................."O mistério que estava a resolver!!!"
For god's sake! Não dá pa esquecer o trabalho nem a dormir??

Sem comentários: