segunda-feira, 13 de agosto de 2012

Ser mãe de primeira viagem é...

...descobrir. Tudo é novo.

A recuperação que não é tão fácil como se pensava. Idem para a amamentação.
É estar disponível para o nosso bébé, quando e onde ele quer.
É acordar de 2 em 2 horas para ele poder comer e crescer.
É andar com ele ao colo porque tem cólicas.
É andar com ele ao colo porque já(!) lhe doem as gengivas.
É ajudá-lo a fazer cócó e a soltar gases.
É ficar suja de cócó e chichi e...bolsado.
É dar-lhe mimos quando ele quer.
É adormece-lo.
É deitá-lo.
É voltar a adormece-lo e deitá-lo.
É ouvi-lo a chorar o dia todo.
É assustador não saber porque está a chorar o dia todo...
É limpar-lhe a vista porque tem ramelinha...e ele odiar.
É dar-lhe gotas para as cólicas e vitamina D para ser ainda mais saudável.
É vê-lo a levar as vacinas e sofrer.
É fazer mil e uma coisas para que ele se distraia e não chore por 5m.
É dormir pouco.
É sentir que o nosso mundo se virou de cabeça para baixo.
É sentir-nos sozinhas e injustiçadas e incompreendidas de vez em quando.
É sentir-nos cansadas e chorar.
É não termos paciência e tolerância.
É sermos chatas e inconstantes, com o pai, com o bébé, com os outros.
É sentirmos medo de vez em quando.
É vê-lo dar os primeiros sorrisos e gerar cumplicidade.
É sentirmos felicidade sempre.

Vale tão a pena!

3 comentários:

abspinola disse...

Descreveste bem os primeiros meses que passamos ao lado deles, somente para eles.
Vale a pena ... ser mãe é isso, sorrir, sofrer, chorar e voltar a sorrir de felicidade
Bjstos

Anónimo disse...

Opaaaaa, soninha...adorei!!! Tenho passado tao perto de ti todos estes sentimentos!! Ainda bem que estamos juntas nesta primeira viagem!!! Adoro-te mt.joana

Coisas Boas disse...

Parece que estamos na montanha-russa...adrenalina até mais não, é querer parar de vez em quando, é querer andar sempre e sempre, e é ter muito medo também. É uma viagem e tanto! Aproveita....o meu Santi é Lindo!!!! e refilão....